Cursos e Workshops de Costura

5 anos, 5 caras – Kristin

Deixe um comentário

Para celebrar os 5 anos do Atelier, porque não apresentarmos 5 das caras (e mãos!) que dele fazem parte? Passam por cá alunos de idades distintas, com objetivos diferentes e com criações muito próprias. Mas todos têm em comum o bichinho que os faz querer idealizar e construir as suas próprias peças de roupa ou acessórios.

Hoje, vamos conhecer um pouco melhor a Kristin Campainha, que frequenta o Atelier há 2 anos. Em pequena, já tinha costurado roupa para as bonecas com a mãe e, anos mais tarde, uma amiga emprestou-lhe uma máquina de costura, que a fez inscrever-se nas nossas aulas.

A Kristin é uma aluna muito dedicada e não é difícil encontrá-la vestida com roupa feita por ela, da cabeça aos pés – a blusa e as calças que vêem na fotografia não é exceção! “Fiquei cansada de comprar roupas e pagar muito por peças de má qualidade. Comecei a desfazer blusas para ver a construção das peças, a forma, como eram feitas”. Aquilo de que a Kristin gosta mesmo é de trabalhar com bons tecidos. Adora o linho, o algodão e as lãs. “Adoro sentir as texturas e ver como se misturam”.

Neste momento, está a trabalhar num casaco e é neste tipo de peças que pretende focar-se nos próximos tempos, para poder aperfeiçoar todas as técnicas necessárias. Conta-nos que são peças muito complexas e quer aprender a fazê-los bem. A Kristin já arrisca fazer peças mais arrojadas e com tecidos mais difíceis de trabalhar, devido à textura escorregadia. A última aventura foi um vestido para a filha, que ela encara como um teste!

O que mais a cativa nas aulas é o facto de poder trabalhar ao seu ritmo e de ser constantemente desafiada pela professora. “Podemos fazer aquilo que gostamos e que precisamos. A Marina incentiva-nos a trabalhar em projetos que testem as nossas capacidades, mas que também nos façam aprender técnicas novas”.

Se a Kristin recomenda as aulas no Atelier? Claro que sim! Apesar de ser um trabalho duro fisicamente (sim, desenganem-se quem acha que costurar é estar sentado o dia todo!), até quando está cansada lhe sabe bem. “Dá muito prazer fazermos as nossas coisas. Não há nada como ver uma coisa feita por nós!”.

Entrevista orienta e redigida por Teresa Santos. Fotografias da mesma.

Anúncios

Autor: ateliercosturaportuense

Atelier de Costura Portuense Cursos e Workshops de Costura Rua da Picaria

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s